Somos livres de alguma coisa, não para qualquer coisa

Ainda não sou mãe, mas creio que uma das melhores coisas que poderei fazer por meus filhos é fazer o que meus pais fizeram por mim e por minha irmã: dar-nos limites. E não nos dar tudo o que desejávamos.

Esse texto foi motivado a partir da leitura da pastoral da Igreja Batista Central de Macapá, de 04/03/12, escrita pelo Pr. Isaltino Gomes Coelho Filho e que pode ser acessada aqui.

Segundo o artigo, “Houve um homem que se orgulhava de ser liberal e moderno e não dar a seus filhos nenhum valor moral. Isto era repressão. Religião, então, nem falar. Era atraso de vida, coisa de gente burra. Quando o filho se viciou em droga, ele, orientado por um desses “gurus” da mídia, passou a se drogar com ele, para que ele não se drogasse na rua e contraísse AIDS. O filho, que precisava de um pai sério e não de um pateta, suicidou-se. O pai “pirou”. Isto sucedeu mesmo.”

“E mostra algo: muitos pais não têm valores para passar aos filhos. Dão-lhes coisas, mas não lhes dão conteúdo. As pessoas pensam que ser livre é fazer o que se quer. Não entendem que liberdade não é para, mas de. Somos livres de alguma coisa e não livres para qualquer coisa. Pouco se fala sobre responsabilidade e valores. ”

“Quais os seus objetivos para seus filhos? Só prepará-los para competir numa sociedade materialista? Dar-lhes coisas? Nenhum, e apenas “toca o barco”? Seus filhos são seu maior bem. Ame-os, invista na educação e saúde deles, mas no espírito também.”

Sabemos que a criança é formada a partir das diversas experiências por quais ela passa em sua vida, não só em casa. É por isso que os pais se preocupam em escolher boas escolas e igrejas saudáveis, por exemplo. Segundo o pr. Isaltino, igrejas realmente saudáveis investem para que cada criança seja espiritual e emocionalmente sadia.

É preciso não esquecer, no entanto, que a grande responsabilidade de passar valores aos filhos é dos pais, não dos avós, não da escola nem mesmo da igreja. Diz a Bíblia: “Instrua a criança no caminho em que deve andar e, quando crescer, não se desviará dele” (Provérbios 22.6)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s